sexta-feira, 21 de setembro de 2012


Vanerão, dança típica do  
Rio Grande do Sul.

Thaís  Bastos  e  Lucas  Almeida  de  Oliveira

Aprender a dançar o vanerão é uma alternativa para se incluir na cultura gaúcha. Os piquetes oferecem aulas de vanerão e mostra os passos básicos para dançar uma das típicas danças do povo gaúcho. A coreografia é fácil, com dois passos para um lado e dois para o outro. A dança é originária de Cuba, mas foi adaptada para a cultura gaúcha.
Uma gaita basta para que se faça um bom vanerão. O violão e o pandeiro também são instrumentos musicais frequentes no estilo musical.
"Vanerão é a dança típica nos bailes. Aqui no parque o pessoal dança muito nos piquetes. A dança é originária de Cuba e era chamada de Habanera. Aqui no Rio Grande do Sul passou a ser chamada de Vanera", explicou Thaís Bastos, 19 anos, escolhida como a Prenda dos Festejos Farroupilhas em 2012.
A vanera tem uma levada rápida, mas apresenta passos simples: dois para um lado e dois para o outro.
"Fazemos os passos de dois e dois, com a marcação. É uma dança de grande importância cultural no nosso estado", contou Lucas Almeida de Oliveira, 18 anos, escolhido Peão Farroupilha da cidade de Guaíba.
Obedecendo a regra de dois passos para cada lado, rapidinho se aprende a dançar o vanerão. Para quem já é mais experiente, a dança ganha maior gingado e o casal vai rodando pelo salão.
"A vanera arruma casamentos, faz amizades. É um ritmo mais fácil e se tornou a dança característica. É a dança mais dançada nos bailes. No início a pessoa fica mais dura, depois vai ganhando o gingado, mas não tem muito mistério. É sempre o homem que conduz".


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário